O coração dos candeeiros III


” Eu é que não me conformo e acrescento o que passo a expor.

Vamos admitir que o candeeiro, feito de liga de metal de qualidade superior, foi recuperado para ser sujeito, com muitos outros, a diversos tratos e fusões, até se transformar numa chapa muito resistente.

E depois? Depois apara-se, apura-se, atarracha-se, aparafusa-se e da chapa faz-se um foguetão. Um foguetão em direcção à Lua. Lá vai ele com o coração do candeeiro dentro.

Sonho de candeeiro apaixonado ou verdade verdadinha, pouco importa. Eu queria que esta história acabasse bem.”

Texto de : António Torrado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: